Hortaliças hidropônicas – características da produção

As hortaliças hidropônicas são facilmente cultivadas e podem gerar boa renda na produção. Descubra mais sobre esse tipo de cultivo!

O cultivo hidropônico (também conhecido como hidroponia) se refere a um tipo de produção de plantas que é realizado sem contato com o solo. Isso é possível, pois as raízes das plantas ficam submersas em soluções nutritivas que reúnem os elementos necessários para o desenvolvimento. Umas das áreas que mais prosperam nesse tipo de cultivo são as hortaliças hidropônicas.

Neste artigo, falaremos sobre as principais características desse cultivo de hortaliças. Mostraremos também as oportunidades de mercado para os produtores das hortaliças hidropônicas. Avance para os próximos tópicos!

Quais são as características da produção de hortaliças hidropônicas?

Na prática, as hortaliças cultivadas de maneira hidropônica, sofrem um impacto menor de fatores relacionados ao meio ambiente, como: pragas, chuvas, ventos e insolação. A razão é que, no geral, são cultivadas em locais fechados (estufas). 

Além disso, existe um controle eficiente da irrigação, temperatura e nutrição das plantas. Podemos apontar algumas das principais características da produção de hortaliças hidropônicas. São elas:

Sistemas

O cultivo das hortaliças hidropônicas pode ser fechado e estático ou aberto. Dentre os sistemas mais utilizados, destacamos:

  • Floating – as plantas flutuam sobre a solução e as raízes ficam submersas nela;
  • Pavio – o vaso da hortaliça é conectado a um reservatório que contém a solução nutritiva. Assim, a planta recebe os nutrientes necessários.
  • Nutrient Film Technique (NFT) – uso de uma motobomba acionada por temporizador. A solução circula entre o vaso e o reservatório.

Técnicas

A planta fica exposta à luz. Quanto aos substratos utilizados, podem ser divididos em duas categorias:

  • Inorgânicos – areia lavada, cascalho, lã de rocha, perlita etc.;
  • Orgânicos – fibra de coco, musgo, serragem, casa de árvores etc.

Tempo de produção

O período entre o plantio da muda até a colheita varia conforme o tipo de hortaliça. No caso da alface, o ciclo total fica em torno de 38 a 47 dias. Porém, em um sistema constante de produção, o tempo médio da colheita pode baixar para 22 a 25 dias. Dessa forma, o produto alcança a marca de 12 a 14 ciclos produtivos por ano.

Que oportunidades existem nesse mercado?

Para os produtores de hortaliças hidropônicas, uma estratégia interessante é diversificar a produção. Outra dica é optar pelas espécies de pequeno porte e crescimento rápido. Por exemplo: agrião, salsa, rúcula, acelga e coentro. Vale lembrar que a alface é uma excelente alternativa para produtores iniciantes e experientes.

Uma vez que, tem boa comercialização, fácil manejo, menor risco de prejuízos e um curto ciclo produtivo. Com respeito a mercado consumidor, os produtores podem vender as hortaliças para:

  • Supermercados;
  • Hortifrutis;
  • Feiras livres;
  • Consumidores individuais etc. 

Conforme o estudoMercado de hidroponia – crescimento, tendências e previsões (2023-2028)”, o setor hidropônico deve crescer 7,8%. Os produtos mais cultivados são os vegetais folhosos. Quanto às principais tendências, a pesquisa aponta para o crescimento acelerado do consumo de vegetais e hortaliças frescas.

O motivo é a maior preocupação da população por um estilo de vida saudável. Outro aumento é visto na demanda por vegetais exóticos (como a alface vermelha) em estabelecimentos de alimentos e varejo. 

Além disso, a acelerada urbanização está impactando na elevação da demanda de hortaliças em indústrias, restaurantes e redes de fast food. Sem dúvidas, os produtores de hortaliças hidropônicas têm motivos para comemorar.

O que achou do nosso artigo? Entendeu as características de produção e como está o mercado do cultivo de hortaliças hidropônicas? Gerencie a sua produção com tecnologia, eficiência e estratégia. Entre em contato com a MasterPlanti e solicite um orçamento!